Select Language

Check Application Status
en

Resource Zone

10 passos para se criar um aplicativo

Matt Pais

Rate 1 Rate 2 Rate 3 Rate 4 Rate 5 0 Ratings Choose a rating
Please Login or Become A Member for additional features

Note: Any content shared is only viewable to MDRT members.

Alexander explica como lançou um produto que gera benefícios para seus clientes e sua empresa.
Chris Renton

Como ocorre em muitos empreendimentos de impacto, a missão era modesta no início.

Gareth Alexander, Dip PFS, BSc(Hons), precisou apenas de expor seus clientes a um novo portal da marca, onde eles pudessem programar consultas e avaliar seus investimento, sua poupança e suas coberturas.

O que esse membro da MDRT há três anos, de Harpenden, Inglaterra, desenvolveu foi um aplicativo que aumentou expressivamente o número de pontos de interação com clientes por ano. O aplicativo também se tornou tão popular (e público) que o número de downloads é quase duas vezes o número de clientes na carteira da empresa, e os não clientes ou clientes em potencial têm acesso aos boletins informativos, assistência para o planejamento financeiro e muito mais.

A eficiência e a rentabilidade estão em jogo, e os clientes têm fácil acesso a informações que não requerem o envio de cópias físicas de documentos, o que é bom para o meio ambiente e aumenta a probabilidade de se lembrarem os motivos que geraram determinadas recomendações.

Se você quiser criar um aplicativo para sua empresa, Alexander, especialista em planejamento financeiro para fundações familiares, recomenda as seguintes etapas:

1. Aprenda com quem já fez antes. Durante a Reunião Anual de 2015 em Vancouver, Tracey Karen Diana Devonport, membro da MDRT há 25 anos, de Houghton, África do Sul, falou sobre o que sua empresa havia feito para lançar seu próprio aplicativo. Depois da palestra, Alexander procurou Devonport para obter mais orientações, que definiram as próximas etapas do seu desenvolvimento.

2. Encontre uma empresa que possa ajudá-lo. Conforme a perspectiva de Devonport, Alexander procurou uma empresa local especializada em aplicativos para administradores de patrimônio. Ninguém oferecia todas as competências de que ele precisava, então, Alexandre procurou uma empresa para desenvolver um aplicativo original e personalizável. Isto implicava o envolvimento de um parceiro tecnológico bem estabelecido, conforme a avaliação do potencial financeiro da empresa e os serviços que poderia oferecer.

3. Seja paciente. Lançado em 2017, o aplicativo levou seis meses para ser desenvolvido, passando por várias versões experimentais e sendo avaliado semanalmente em conjunto com o desenvolvedor. A empresa criou uma plataforma em que a equipe de Alexander podia fazer alterações por conta própria (e obter a assistência da equipe de desenvolvimento se fosse necessário algum código). O trabalho se estendeu noites e fins de semana adentro, mas Alexander sabia que o retorno em longo prazo compensaria.

4. Permaneça aberto. Entre as versões experimentais, Alexander expandiu as funcionalidades do aplicativo, acrescentando conteúdo de vídeo para explicar o portal, como os clientes poderiam se comunicar com os consultores, informações sobre as normas locais e muito mais. A elaboração de e-mails par envio teve um enorme sucesso também, com 90% das mensagens enviadas a celulares de clientes lidas até três minutos após o recebimento.

5. Amplie sua colaboração. “Chegamos à conclusão de que não existe uma única empresa capaz de fazer tudo” – disse Alexander. Por meio de indicações, Alexander encontrou um parceiro que produzia vídeos e conteúdo para redes sociais, o que representou um avanço da sua rede de parceiros tecnológicos que o auxiliaram de diversas maneiras diferentes.

6. Mantenha-se focado e responsável. Quanto mais tarefas forem realizadas, mais difícil pode ser para se manter na mesma página em relação ao que precisa ser concluído e quando. Alexander acompanhou o processo com e-mails, conforme necessários, quando o trabalho não era concluído, e se certificou de que todos os entregáveis esperados estavam claros a cada etapa.

7. Obtenha insumos de clientes. Para descobrir com o que os clientes queriam se envolver no aplicativo, Alexander perguntou. Graças à comunicação com mais de 30 clientes frequentes, ele acrescentou uma pesquisa para clientes que gerava feedback construtivo. Alexander também cedeu acesso a diversas plataformas de investimentos, bem como o recurso de preenchimento de questionários sobre perfis de risco (um requisito anual no Reino Unido).

8. Não se esqueça da publicidade. Desenvolver um produto fantástico não significa nada se as pessoas não souberem dele. Alexander gravou um vídeo de 20 segundos no YouTube sobre o aplicativo e publicou um banner no site da empresa, para servir de canal para localizar e baixar o aplicativo.

9. Monitore as respostas. Em primeiro lugar, Alexander pensou que muitos clientes não utilizariam essa tecnologia. "Na verdade, são os internautas mais velhos, com mais de 60 anos, que gastam mais tempo utilizando iPads e tecnologia do que qualquer outra pessoa” – disse Alexander. "Eles consideram o aplicativo um ótimo diferenciador e que estamos investindo em serviços. É mais uma justificativa para as taxas que cobramos".

10. Continue crescendo. Alexander desenvolveu um aplicativo separado (com outro parceiro tecnológico) para enviar mensagens SMS para clientes, mantendo-os a par da programação das avaliações, enviando informações úteis, entre outras coisas. "É incrível" – disse ele, observando o índice de 98% de SMS lidas. "Se você quiser obter alguma informação de um cliente e enviar um SMS para ele, a resposta é imediata". As mensagens SMS começaram como uma forma de desejar ao cliente feliz aniversário, mas se transformaram em algo muito maior.

Finalmente, disse Alexander, é um processo de aprendizagem. “É preciso ser específico em termos do que você está tentando realizar, mas também é preciso ser flexível para deixar o projeto evoluir". "E a tecnologia não pode substituir o relacionamento pessoal que temos com o cliente. Ela deve intensificar o relacionamento".

Contato: Gareth Alexander gareth@pp-wealth.com

 

{{GetTotalComments()}} Comments

Please Login or Become A Member to add comments